Agência AutoData de Notícias


Pesados -
Redação AutoData

Sinotruk assina protocolo com Santa Catarina

Array ( [last_activity] => 1496134898 [user_agent] => CCBot/2.0 (http://commoncrawl.org/faq/) [session_id] => qn58k6pbbpm4l9tb29fhf9t9i4 [B64KEY] => ab32aa0b1dec8cc8e871bc5943faf189 ) 1

A Elecsonic Sinotruk Brasil, importadora dos caminhões Sinotruk, criou joint-venture com a CNHTC, de China National Heavy Duty Truck Group, como é conhecida a própria marca em sua sede, na China. A intenção é construir fábrica em Lages, SC, e importar 2 mil caminhões da China enquanto a fábrica não entrar em operação. A Sinotruk Brasil tem sede há cinco anos em Campina Grande do Sul, PR.

O investimento inicial é estimado em R$ 300 milhões e, de acordo com comunicado da Sinotruk Brasil, a produção começará em regime SKD por meio de importação de peças, partes e componentes chineses. Alguns fornecedores locais contribuirão com o processo já num primeiro momento, como a Fras-le, que já produz lonas de freio para reposição para caminhões da marca. Outros acordos de nacionalização estão em andamento, assegura a Sinotruk.

Embora não revele quando serão iniciadas as obras, a empresa diz que a construção exigirá dezoito meses. A capacidade inicial de produção será de 5 mil unidades anuais no primeiro ano, podendo atingir 8 mil unidades em uma segunda etapa. O protocolo de intenções para a construção no município garante a incentivos fiscais previstos para a região.


Aquisição faz parte da estratégia da empresa de acelerar o desenvolvimento de seus sistemas para veículos autônomos
Fabricantes de veículos podem reaver R$ 300 milhões em tributos recolhidos nos últimos dois anos
A busca por melhoria na eficiência energética aumentará o consumo de alumínio pelas fabricantes instaladas aqui
Foram avaliados índices de desempenho como qualidade e garantia
Meta estabelecida faz parte de programa iniciado há seis anos
O país vizinho foi responsável por 29,9% dos negócios das empresas brasileiras, US$ 638 milhões 137 mil