Tecnologia pronta para o Brasil

Imagem ilustrativa da notícia: Tecnologia pronta para o Brasil
CompartilheAutoData Empresarial
17/04/2019

No início de março a Dana anunciou oficialmente mais uma importante aquisição com vistas a se tornar a maior provedora de sistemas de eletrificação para veículos comerciais do mundo. A empresa incorporou o Grupo Oerlikon, que controla as marcas Graziano e Fairfield.

 

Essa aquisição reforça ainda mais o expertise no desenvolvimento de sistemas eletrificados e amplia a abrangência de atuação da empresa nos países que estão avançando mais rapidamente em eletromobilidade.

 

“Com mais essa aquisição, a Dana continua a atender demandas de seus clientes para eletrificação de quase todo tipo de veículo comercial, como picapes, vans, caminhões e ônibus e, também, veículos fora de estrada. Ultrapassamos a importante marca de 12.000 motores TM4 entregues que já rodaram mais de 350 milhões de quilômetros”, comenta Raul Germany, presidente da Dana para o Brasil.

  

Paralelamente a essas incorporações, os times de engenharia da empresa ao redor do mundo concentram esforços em um arrojado projeto para construir para demonstração uma frota de veículos comerciais elétricos orientados para a distribuição urbana, demonstrando ao mercado as avançadas e variadas soluções tecnológicas que a empresa já tem disponíveis para eletromobilidade.

 

Dois veículos já estão prontos. O City Delivery Dana demonstra, na prática, a eficiência do eixo traseiro elétrico eS9000R, um produto de série da empresa. Esses eixos são equipados com motor e transmissão elétricas, movidos a bateria, e dispensam completamente itens pesados como tanque de combustível e o tradicional trem-de-força.

 

Imagem ilustrativa da notícia: Tecnologia pronta para o Brasil

 

Consolidado no mercado chinês, o motor elétrico Dana TM4 Sumo LD HV800 em conjunto com o Inversor CO150HV alimentam o eixo elétrico eS9000R. O equipamento pode ser facilmente adaptado em qualquer chassis equipado com os eixos modelos S110 e S130. 

 

Esse produto atinge velocidade máxima de 135 km por hora com autonomia para 161 km.  Além disso, é cerca de 170 kg mais leve que seus semelhantes movidos a Diesel e consome 8% menos energia do que um veículo alimentado por um motor centralizado.

 

Outro produto que está pronto e em demonstração é um caminhão para distribuição de bebidas que é movido por sistema de direção central, mecanismo que substitui motor de combustão, transmissão e tanque de combustível por um motor elétrico. Esse caminhão foi equipado com o motor elétrico Dana TM4 Sumo MD HV2600 com Inversor CO200, combinação que assegura 67% de redução de energia e 40% menos emissão de poluentes em comparação com o mesmo veículo movido a diesel. O caminhão pode atingir até 108 km/h e percorrer 161 km.

 

A engenharia da Dana está trabalhando em mais dois caminhões convencionais, movidos a diesel, que serão transformados para veículos elétricos para demonstrar os benefícios e facilidades desta conversão. Na Fenatran deste ano, que acontecerá em outubro, a empresa vai apresentar aos clientes brasileiros que essas tecnologias já estão, definitivamente, prontas para serem aplicadas.

 

Fotos: Divulgação/Dana