news
12/12/2014

Fras-le avalia compra da Duroline, do Grupo Vipal

Por meio de comunicado divulgado pela Bolsa de Valores de São Paulo a Fras-le informou ao mercado que adquiriu, a título de investimento, 1% do controle acionário da Duroline, empresa de Caxias do Sul, RS, que também atua no segmento de materiais de fricção.

O memorando de entendimentos, no entanto, vai além.

De acordo com Vanderlei Novello, novo diretor de relações com investidores, a Fras-le tem a opção de compra de mais 93% de participação na Duroline, atualmente controlada pelo Grupo Vipal, de Nova Prata, RS, e pelo fundador da empresa, Carlos Mazzochi. Informa que, ao longo dos próximos meses, ocorrerão análises mais apuradas sobre os números financeiros e de participação da Duroline no mercado. Somente depois é que se iniciarão tratativas sobre gestão e parceria visando acordo.

A conclusão da operação também dependerá de deliberação do Conselho de Administração da Fras-le e de aprovação prévia do Cade, o Conselho Administrativo de Defesa Econômica. O memorando, assinado em caráter não vinculante, constitui documento preliminar, que permitirá às partes a realização de diligência legal e preparação dos contratos definitivos.

Com 26 anos de presença no mercado a Duroline produz lonas de freios para caminhões, veículos rebocados e ônibus urbanos e interurbanos, com presença no mercado de reposição. Além do Brasil atua em mais de cinquenta países das Américas, Oceania, Europa e África. Além da operação fabril em Caxias do Sul mantém filial nos Estados Unidos.

Mudanças – Ainda no Grupo Randon, Vanderlei Novello foi nomeado diretor de relações com investidores da Fras-le em outubro em substituição a Daniel Randon, que acumulava a função com a de diretor-presidente da empresa. Novello também será responsável pela operação dos Estados Unidos.

A transferência de Novello para a Fras-le mexeu na estrutura das Empresas Randon. Com a extinção da diretoria corporativa de recursos humanos e administração, que estava sob seu comando, foram criadas duas gerências.

Daniel Ely, que estava na Castertech, fundição do Grupo, assume a área de recursos humanos. Carlos Roberto Arins do Nascimento, que era gerente de tecnologia da informação, responderá pelo Centro de Serviços Compartilhados.