Fraude em emissões agora ronda Grupo PSA

Imagem ilustrativa da notícia: Fraude em emissões agora ronda Grupo PSA
CompartilheInternacional
12/09/2017

O Grupo PSA, que engloba as marcas Peugeot, Citroën e DS, teria fraudado testes de emissões de motores a diesel, apontou o jornal francês Le Monde. Investigadores tiveram acesso a um documento no qual a empresa demonstrava preocupação sobre tornar um dispositivo fraudulento menos óbvio e visível.

 

Dois milhões de veículos das marcas Peugeot e Citroën estariam envolvidos em um esquema de fraude similar ao que envolveu a Volkswagen no, até agora, maior escândalo de emissões registrado, o dieselgate. A PSA negou o uso de qualquer software.

 

O Grupo PSA tornou-se o segundo maior em volume de vendas na Europa após comprar a Opel e a Vauxhall da General Motors, em agosto. Na Europa há suspeitas, também, com relação a ações da Renault e da FCA.

 

Foto: Divulgação