Marcopolo inclui expatriação no seu plano de carreira

Imagem ilustrativa da notícia: Marcopolo inclui expatriação no seu plano de carreira
CompartilheExecutivos
20/05/2019

São Paulo – De 2010 até este ano a Marcopolo expatriou 613 profissionais, dos mais diferentes postos e atividades, para operações em dezesseis países – como África do Sul, Argentina, Austrália, Chile, China, Colômbia, Egito, Emirados Árabes Unidos, Índia, Malásia, México, Peru, Portugal, Rússia e Uruguai.

 

O mais recente exemplo é o de seu ex-diretor de recursos humanos, Thiago Deiro, que em abril assumiu a posição na Volgren, unidade da Marcopolo na Austrália. Segundo o gerente de RH, Alessandro Ferreira, a expatriação faz parte do plano de carreira da companhia, pois agrega experiência profissional e cultural enriquecedora ao funcionário.

 

“A exportação de talentos brasileiros é muito importante porque amplia a sua visão com relação à carreira. Para a companhia forma um profissional com visão mais ampla e sistêmica.”

 

Foto: Rodrigo Estevan/Divulgação.