BMW e VW assumirão controle de joint ventures na China

São Paulo - A BMW e a Volkswagen receberam das autoridades de Pequim a aprovação para assumir o controle das joint ventures que possuem na China, com a promessa de que novos investimentos sejam feitos, segundo informações divulgadas pelo site Flash de Motor,de Caracas, Venezuela, na terça-feira, 24. A BMW será a primeira montadora estrangeira a obter, lá, participação majoritária em uma joint venture, mantida com a Brilliance Automotive Group Holdings. Ambas as empresas concordaram em aumentar a produção para 520 mil unidades no ano que vem.

 

A BMW também confirmou que produzirá um modelo elétrico Mini ali.

 

A Volkswagen seguirá pelo mesmo caminho e, como parte dos futuros investimentos, estabeleceu parceria com a Jianghuai Automobile para investir em P & D com foco no desenvolvimento de veículos elétricos Seat na China. A empresa pretende criar infraestrutura de recarga de baterias e que investirá no desenvolvimento de serviços digitais para veículos conectados.