Vendas globais do Grupo VW caem em abril

São Paulo – O Grupo Volkswagen divulgou seu balanço global na sexta-feira, 17, que apontou quedas nas vendas em abril. No mês foram 866,4 mil veículos vendidos, o que representa volume 6,6% menor do que o registrado em abril do ano passado. Segundo a companhia o desempenho é reflexo da “economia lenta em alguns mercados e da tensa situação geopolítica em outros”.

 

Na Europa foram vendidos 394,8 mil veículos, decréscimo de 2% na comparação com o mesmo mês do ano passado, e na América do Norte houve queda de 4,1%, 76,6 mil veículos -- as vendas foram baixas nos Estados Unidos, no Canadá e no México. Na América do Sul a queda foi de 6,4%, com 48,6 mil unidades vendidas. Apesar do resultado regional as vendas no Brasil cresceram 8,3% em abril, chegando a 36,8 mil unidades.

 

Na região Ásia-Pacífico as vendas somaram 322 mil veículos, 10,5% a menos. Na China, o mercado mais importante da região, a empresa afirmou que “os clientes continuaram relutantes em comprar veículos apesar do corte no IVA aplicado desde o início do mês”. As vendas, ali, chegaram a 302,6 mil unidades, queda de 9,6%.