Renault e Nissan em processo de fusão?

Imagem ilustrativa da notícia: Renault e Nissan em processo de fusão?

Renault e Nissan estariam negociando seu processo de fusão há alguns meses, disseram fontes do mercado à agência Bloomberg na quinta-feira, 29. Um acordo encerraria a atual aliança das duas companhias e as uniria como uma só corporação. Hoje a Renault tem 43% da Nissan  a Nissan tem 15% da Renault.

 

Carlos Ghosn, diretor executivo das duas companhias, estaria conduzindo as negociações e dirigiria a nova companhia que resultaria da fusão, segundo as fontes. A nova empresa poderia manter duas sedes, no Japão e na França.

 

Chegar a um acordo, porém, pode se mostrar bastante difícil, dizem as fontes ouvidas pela agência. O governo francês tem 15% da Renault e pode ficar relutante em ceder o controle de sua fatia ou ter sua posição diluída.

 

A Aliança Renault Nissan encerrou 2017 como segunda maior vendedora de veículos do mundo, atrás da Volkswagen. As vendas globais do grupo foram de 3,7 milhões de unidades, crescimento de 8,5% com relação ao ano anterior, um recorde.

 

No Brasil a Renault emplacou 167 mil 14 unidades e a Nissan 78 mil 817, ambas no ranking das dez marcas mais emplacadas no ano, segundo os dados do Renavam divulgados pela Fenabrave. O faturamento chegou a € 58 milhões 770 mil, alta de 14,7%, na comparação com 2016, e o da divisão automobilística foi de € 53 milhões 530 mil, expansão de 9,3%,

 

Para 2018 o Grupo Renault espera crescimento de 2,5% do mercado mundial, com alta de 10% na Rússia, Brasil e China crescendo mais de 5%, Índia 6%, Europa 1% e França 1%.

 

Foto: Divulgação.