Agrishow: expectativa de aumento de 10% nos negócios.

Imagem ilustrativa da notícia: Agrishow: expectativa de aumento de 10% nos negócios.

Ribeirão Preto, SP – Até a sexta-feira, 3, deverão passar pela Agrishow, maior feira de negócios da América Latina, mais de 150 mil visitantes de diversos países – no ano passado foram 83 as nacionalidades que circularam pelo evento de Ribeirão Preto, SP. A organização projeta R$ 2,7 bilhões em negócios durante a semana, volume 10% superior ao de 2018.

 

Mais de oitocentas marcas nacionais e internacionais expõem seus produtos e serviços em uma área de 520 mil m², superior aos 440 mil m² do ano passado. Em poucas horas os primeiros negócios já foram fechados:

 

“Em apenas três horas vendemos três picapes Ram 2500, modelos Jeep e Fiat Toro”, contou Antonio Filosa, presidente da FCA. Participar da Agrishow, segundo ele, é importante pela aproximação com o público do agronegócio, que demanda muitos dos veículos que compõem o portfólio da companhia. E promete: quem fechar negócio na feira terá condições especiais.

 

Alisson Brandes, diretor de vendas e marketing da JCB no Brasil, foi mais um executivo que demonstrou animação no primeiro dia da feira: “Este é o sétimo ano consecutivo que participamos da Agrishow. Esse ano não podíamos ficar de fora, com a recuperação do mercado a nossa expectativa é de conquistar um volume interessante de negócios”.

 

De acordo com Brandes, a equipe de vendas está autorizada a oferecer condições diferenciadas para quem comprar as máquinas no evento.

 

Outro executivo animado com o evento é Cláudio Rawicz, diretor de comunicação da Audi. A marca premium expõe sua linha na feira e tem metas ousadas:  “O primeiro dia já mostrou um movimento interessante e a nossa projeção é aumentar as vendas em 50% na comparação com o ano passado, com foco nos nossos SUVs Q3, Q5 e Q7”.

 

Foto: Divulgação.