Ford aposta no motor 1.0 para o Ka Freestyle

Imagem ilustrativa da notícia: Ford aposta no motor 1.0 para o Ka Freestyle
CompartilheLançamento
28/05/2019

Salvador, BA - A receita de personalização que nasceu como série especial em 2006 tem dado tão certo que além do EcoSport -- o pioneiro -- a Ford levou para a linha Ka a configuração Freestyle. Na linha 2020, a grande novidade é o Ka Freestyle com motor 1.0 de três cilindros.

 

Itens de aparência como rodas com desenho exclusivo e uma série de pequenas alterações no visual, além do posicionamento de preço, fizeram do EcoSport Freestyle o mais vendido dentre suas versões. Em 2016, 60% das vendas do SUV foram da Freestyle. No ano seguinte, com a opção da transmissão automática, a preferência do consumidor subiu a 70%.

 

"O cliente chega na revenda pedindo o Freestyle, não diz o nome do modelo, tamanha a identificação com a proposta dessa versão" diz a gerente de produto Adriana Carradori.

 

No caso do Ka Freestyle foram adotadas outras soluções além das mudanças exclusivas no visual externo. A altura livre do solo aumentou para 188 mm -- um truque da engenharia e do marketing para enquadrar o hatch na categoria SUV, de acordo com a legislação brasileira -- pneus 185/60, rodas de liga leve de 15 polegadas, ajustes na suspensão, coxins e barra estabilizadora, controle de estabilidade e tração, dentre outras mudanças.

 

Outro trunfo desta versão, segundo a Ford, é o preço: R$ 56,7 mil. "Nesta faixa de preço não há oferta com as características do Freestyle" afirma Carradori.

 

No ano passado, quando passou a ser ofertado, o Ka Freestyle com motor 1.5 respondeu por 10% das vendas do modelo -- a versão com essa motorização foi descontinuada na linha 2020. Como é praxe, a Ford não divulga sua expectativa de vendas do Ka Freestyle 1.0 de 85 cv.

 

Eco 2020 -- Assim como o Ka, o EcoSport é temporão: a versão Freestyle modelo 2020 começa a ser vendida em junho.

 

Imagem ilustrativa da notícia: Ford aposta no motor 1.0 para o Ka Freestyle

 

O SUV incorpora o visual diferenciado com peças da carroceria pintadas de preto. A maior novidade do modelo 2020 é o teto também pintado de preto.

 

Preço sugerido: R$ 87,3 mil na opção com transmissão manual e R$ 93,3 mil com caixa de marchas automática.

 

Fotos: Divulgação.