Volvo investe em segurança ativa para vender mais ônibus

Imagem ilustrativa da notícia: Volvo investe em segurança ativa para vender mais ônibus

Curitiba, PR - A Volvo usou a paisagem de Morretes, cidade localizada no Litoral do Paraná, para apresentar na terça-feira, 4, ao mercado brasileiro, um conjunto completo de recursos de segurança ativa que, em teoria, contribuirão de forma decisiva na operação dos seus ônibus rodoviários sob o ponto de vista do apoio aos motoristas e da melhora nas condições de operação. Batizado de SSA este pacote de tecnologias foi desenvolvido inicialmente para ser utilizado em ônibus rodoviários com três funções principais: aviso de colisão frontal com frenagem de emergência, aviso de mudança de faixa e piloto automático adaptativo.

 

Outra tecnologia que foi apresentada no ano passado, para o segmento de urbanos, e que, a partir de agora, passou a estar disponível de forma regular também para todos os ônibus rodoviários Volvo, é o controle automático de velocidade. Trata-se de recurso exclusivo que possibilita, por meio da utilização do GPS, identificar com precisão onde o veículo está circulando e controlar automaticamente sua velocidade em áreas consideradas como críticas, como curvas perigosas, dentro de terminais de passageiros etc., independente da ação do motorista.

 

Este novo pacote SSA será oferecido a princípio somente para ônibus novos e estará disponível para as configurações de chassis 4x2, 6x2 e 8x2 com motor traseiro. Será comercializado como opcional, agregando um custo de R$ 25 mil ao preço final dos veículos.

 

“O SSA é um conjunto completo de recursos de segurança ativa", afirmou Gilcarlo Prosdócimo, gerente de engenharia de vendas da Volvo Buses Latin América, "que contribui de forma decisiva para que a Volvo possa continuar cumprindo sua missão de chegar ao futuro com índice de acidente o mais próximo possível do zero.”

 

Segundo ele o aviso de colisão frontal com frenagem de emergência é dotado de radar e câmara para monitorar veículos e obstáculos à frente. O motorista recebe um sinal sonoro e visual em caso de perigo e, se não diminuir a velocidade, o sistema faz uma pré-frenagem e, se necessário, uma frenagem total de emergência.

 

Já o aviso de mudança de faixa é tecnologia que entra em ação quando o veículo passa sobre as faixas da pista tanto à esquerda como à direita sem ligar as setas. O sistema emite sinal sonoro e faz vibrar o assento do motorista no lado em que o veículo está virando. O piloto automático adaptativo, por sua vez, permite que o ônibus possa manter distância segura previamente definida pelo condutor com relação ao veículo que está à sua frente.

 

Segundo Paulo Arabian, diretor de vendas de ônibus da Volvo Buses no Brasil, a empresa trabalha com uma estimativa de que, inicialmente, o SSA equipará cerca de 5% do volume total de vendas de seus ônibus rodoviários já a partir de 2020: “Tenho a certeza de que este sistema de segurança será bem aceito e evoluirá de forma rápida. Por isso acredito que ultrapassaremos este volume de 5% em pouco tempo”.

 

O novo pacote de segurança já fez sua estreia em dois ônibus no mercado brasileiro. O primeiro foi adquirido pela Transacácia, empresa de fretamento localizada em Maringá, PR, que faz rotas de turismo de longo percurso no Brasil e no Mercosul, e o segundo está sendo entregue para a Pedra Azul, do Espírito Santo, que também é especializada no transporte turístico de passageiros.

 

Foto: Divulgação.