Pioneer produz câmeras automotivas em Manaus

Imagem ilustrativa da notícia: Pioneer produz câmeras automotivas em Manaus
CompartilheFornecedor
17/01/2020

São Paulo – No fim do ano passado a Pioneer começou a produzir em Manaus, AM, dois modelos de câmeras automotivas. A expectativa é a de produzir, este ano, na Zona Franca, 20 mil unidades dos modelos Dashcam VREC-100CH e VREC-200CH – com grande potencial de crescimento nos próximos anos, calcula o gerente comercial Adriano Valério.

 

"Queremos criar esse segmento no Brasil, mostrar aos consumidores como esse tipo de equipamento aumenta a segurança para os ocupantes do veículo. Nossa expectativa é de uma demanda crescente pelas câmeras automotivas em 2020 e nos próximos anos."

 

Com 90% dos componentes importados as câmeras podem ser encontradas em lojas de reposição, varejistas de som e acessórios e nas grandes redes, como Casas Bahia e Magazine Luiza. O preço sugerido, para os dois modelos, é R$ 419.

 

Valério busca avançar em outras áreas: “Já conseguimos homologar nossas câmeras com a Toyota, que agra vende em sua rede concessionária como acessório. Ao longo de 2020 trabalharemos com outras montadoras para que sejam vendidas em suas revendas.

 

Segundo o executivo os modelos da Pioneer podem ser usadas em qualquer tipo de veículo. A empresa também mira negociações com transportadoras, seguradoras, empresas de vans escolares e com o governo para instalar o equipamento em viaturas policiais.

 

A aposta da Pioneer no crescimento das câmeras automotivas no País é baseado na boa aceitação e no grande volume de vendas registrados em diversos países da Europa e no Japão, graças à sua capacidade de gravar todo o percurso do veículo. O discurso é o de que aumenta a segurança dos ocupantes, que, com as imagens de uma possível ocorrência, conseguem comprovar exatamente o que aconteceu em determinadas situações.

 

"Na China e na Rússia tivemos um crescimento muito grande nas vendas devido a casos em que pessoas se jogavam na frente dos carros para receber indenizações. Com o uso das câmeras ficava comprovado que não havia sido um acidente. No Japão uma família sofreu um acidente e conseguiu provar que o motorista não era o responsável graças a uma câmera da Pioneer instalada no para-brisa do veículo. Depois disso as vendas cresceram de tal maneira que os estoques das lojas até acabaram."

 

O equipamento também registra o que acontece enquanto o carro está parado e, em caso de uma batida quando estacionado, poderá revelar as imagens do acidente.

 

Dos modelos fabricados no Brasil o VREC-200CH é o mais completo: grava as imagens da dianteira, da traseira e também funciona como câmera de ré na hora de estacionar. Na Europa e no Japão a empresa já possui modelos mais avançados, com capacidade para gravar as imagens do veículo em 360º – caso o mercado cresça como a Pioneer espera, o Brasil poderá contar com novos modelos sendo produzidos em Manaus a partir de 2021.

 

A Pioneer projeta produzir e vender 20 mil câmeras automotivas no primeiro ano completo e, para 2021, a expectativa é a de que esse mercado dobre, com a produção em Manaus chegando a 40 mil unidades, e que continue crescendo nos próximos anos. 

 

Foto: Divulgação.