Indústria cria 2 mil postos de trabalho em São Paulo

Imagem ilustrativa da notícia: Indústria cria 2 mil postos de trabalho em São Paulo

A indústria paulista criou 2 mil postos de trabalho em fevereiro, na série sem ajuste sazonal, 0,10% a mais do que em janeiro. Este foi o melhor resultado para o mês desde 2014, quando foram criadas 7,5 mil vagas. Em janeiro do ano passado houve corte de 3 mil postos. Segundo os dados do Nível de Emprego do Estado de São Paulo, divulgados quarta-feira, 14, pela Fiesp Ciesp, no acumulado do ano as vagas novas totalizaram 12,5 mil, aumento de 0,59%. Na série com ajuste sazonal o índice ficou estável, -0,03%, no mês.

 

Em comunicado distribuído na quarta-feira, 14, o vice-presidente José Ricardo Roriz Coelho contou que espera "aceleração desse saldo para os próximos meses estimulada pelo aumento da confiança empresarial e do consumo".

 

Os dados mostram que, dos 22 setores acompanhados, dez ficaram positivos no mês de fevereiro, três se mantiveram estáveis e nove negativos. Dos positivos os destaques são coque, derivados do petróleo e biocombustíveis, com geração de 1 mil 30 postos de trabalho, seguidos por confecção de artigos do vestuário e acessórios. Os negativos são produtos de borracha e de material plástico e produtos diversos.

 

Segundo a apuração mensal a variação no mês ficou positiva no Interior do Estado, com alta de 0,27%. Na Grande São Paulo houve queda de 0,35%.

 

Foto: Gílson Abre Fiep/Arquino ANPr.