Argentina deixa de ser o principal destino de autopeças

Imagem ilustrativa da notícia: Argentina deixa de ser o principal destino de autopeças

São Paulo – A Argentina não é mais o principal destino das exportações das empresas fabricantes de autopeças no Brasil: foi superada, em janeiro, pelos Estados Unidos, com US$ 126,6 milhões. O país vizinho importou US$ 92,6 milhões no primeiro mês do ano, valor 43,5% inferior ao do mesmo mês do ano passado, e ficou na segunda posição, de acordo com dados divulgados pelo Sindipeças, entidade que representa os fabricantes no Brasil.

 

O país vizinho passa, desde meados do ano passado, por uma acentuada crise econômica, que vem derrubando as vendas de veículos e o comércio com Brasil. Em veículos houve também recuo nas exportações brasileiras para lá.

 

No total as exportações brasileiras em janeiro somaram US$ 511,4 milhões, retração de 16,7% na comparação com o primeiro mês do ano passado. As importações chegaram a US$ 1 bilhão, queda de 16,8% com relação ao mesmo período do ano passado.

 

Com esse resultado a balança comercial do setor, em janeiro, apresentou déficit de US$ 494,4 milhões, 16,8% menor do que o registrado no primeiro mês de 2018.

 

Foto: Divulgação.