Empresas investem em segurança e prevenção à covid-19

Imagem ilustrativa da notícia: Empresas investem em segurança e prevenção à covid-19
Foto Jornalista Roberto Hunoff

Por Roberto Hunoff

CompartilheCovid-19
03/04/2020

Caxias do Sul, RS – Marcopolo, Empresas Randon e Simecs, o Sindicato das Indústrias Metalúrgicas, Mecânicas e de Material Elétrico, uniram esforços para apoiar a estruturação da rede de saúde de Caxias do Sul e região. Por meio dessa parceria serão doados em torno de R$ 3 milhões para a campanha Caxias contra a Covid-19, liderada pela Câmara de Indústria, Comércio e Serviços, movimento Mobilização por Caxias, e Prefeitura.

 

Os recursos deverão ser aplicados, de forma prioritária, na aquisição de vinte respiradores mecânicos para serem doados ao município, que os destinará às unidades de tratamento intensivo em estruturação nos hospitais da cidade. Caso a aquisição dos respiradores não seja possível, dada a alta demanda por esse mecanismo em meio ao quadro de pandemia, os recursos obtidos nesta ação conjunta serão destinados para aquisição de equipamentos de proteção individuais aos profissionais da saúde e demais necessidades listadas pela coordenação da campanha.

 

A Acrilys do Brasil, fabricante de componentes plásticos para a indústria automotiva, com sede em Caxias do Sul, doou cinquenta unidades de escudos de proteção facial. O equipamento foi confeccionado na fábrica e será utilizado por profissionais do Hospital Geral de Caxias do Sul nos atendimentos aos casos suspeitos e confirmados de coronavírus.

 

A FCC, de Campo Bom, fabricante de adesivos e vedantes, dentre outros itens, para a indústria automotiva, produziu máscaras de proteção facial para profissionais da saúde. O produto tem como principal vantagem sobre o tradicional a possibilidade de reutilização inúmeras vezes, desde que devidamente higienizadas. A primeira doação foi feita ao Hospital Municipal de Campo Bom, com projeção de atender, em breve, dezenas de outras instituições. A empresa tem a parceria da startup Lebbre, que participa com as impressoras 3D.

 

A FCC ainda desenvolveu um álcool gel com propriedades diferenciadas, que evita a agressão da pele, que ocorre quando o produto é utilizado muito frequentemente. A empresa está dedicando parte de sua operação à produção de 15 mil litros de álcool gel para doação a diversos centros de saúde, tanto no Rio Grande do Sul quanto na Bahia, onde também tem fábrica. Outra ação social foi a doação em dinheiro para a compra de respiradores e monitores para o hospital de Campo Bom.

 

Foto: Divulgação.