Recalls são obrigação das empresas

Imagem ilustrativa da notícia: Recalls são obrigação das empresas
CompartilheSegurança
26/02/2018

No Brasil e no mundo os recalls se tornaram comuns, sendo as fabricantes de automóveis as pioneiras neste assunto no Brasil. O principal objetivo de um chamado de recall é garantir a segurança dos consumidores. Para a Anfavea, entidade que representa as empresas fabricantes de veículos, “o recall é uma iniciativa positiva e reflete a atitude madura das empresas, que buscam a solução de eventuais falhas com o objetivo de preservar a segurança de motoristas e passageiros. A indústria automobilística é pioneira na realização de recalls no mundo e no Brasil”.

 

Mas para Hélio da Fonseca Cardoso, perito judicial e engenheiro mecânico, o processo de recalls implica cuidados para não arranhar a imagem da empresa: “Um problema que pode desgastar sua imagem é não ter estoque de peças suficiente para o recall. Caso o cliente vá até uma concessionária e tenha que esperar muito tempo para resolver o problema, isso pode danificar a imagem da montadora”.

 

Apesar da óbvia importância do recall não é incomum o caso de clientes que não atendem ao chamado, algumas vezes por desconhecimento e outras por simplesmente não considerarem o reparo importante. Nestes casos as concessionárias costumam avisar ao cliente da necessidade do reparo quando ele comparece para fazer revisão ou algum outro serviço. Nessas situações o serviço é realizado independente dadata do recall.

 

Da montadora para o concessionário - Ao descobrir a necessidade de um recall a área técnica ou de engenharia da montadora entra em contato com a área correlata das concessionárias para instruir como a rede deve atender aos clientes e proceder com a verificação e, se necessário, substituição da peça.

 

Se a troca do componente for necessária a montadora assume o custo da peça que o concessionário trocou para o cliente. Já o custo da mão de obra do funcionário da concessionária é definido por montadora e concessionário.

 

Balanço de recalls no Brasil em 2017 - De acordo com dados divulgados pelo Procon SP 1 milhão 965 mil 253 veículos foram envolvidos em recalls no ano passado -- 846 mil 103 unidades foram chamadas exclusivamente por causa dos problemas nos airbags fornecidos pela Takata.

 

Com relação ao comparecimento dos clientes não existem dados que analisem quantos levam o carro para verificação e quantos nem sabem que seu carro está envolvido em um recall.

 

Foto: Divulgação.