Nissan é a que mais cresce das dez mais

Imagem ilustrativa da notícia: Nissan é a que mais cresce das dez mais

São Paulo - Dentre as dez marcas que mais vendem automóveis e comerciais leves no mercado brasileiro, a Nissan foi a que mais cresceu em maio. Segundo dados da Anfavea, suas vendas subiram 44,5% na comparação com o mesmo mês do ano passado, para 7 mil 362 carros, contra 5 mil 94 no mesmo mês do ano passado. Décima colocada do ranking, a marca aproveita o bom momento do SUV Kicks no mercado, o principal responsável pela expansão.

 

Um degrau acima da Nissan no ranking, a segunda empresa que mais aumentou suas vendas no mês passado foi a Jeep. As vendas subiram 34,9%, com 10 mil 1 emplacamentos ante 7 mil 413 no mesmo mês do ano passado, puxada pelo Compass, que caiu no gosto do consumidor brasileiro -- foi o SUV mais vendido do mercado no ano passado e segue com boa média de vendas mensais.

 

Vice-líder de mercado, a Volkswagen foi a terceira empresa que mais aumentou suas vendas, com 29 mil 619, contra 24 mil 390 na mesma base de comparação, alta de 21,4% no mês. As vendas da marca foram impulsionadas pelo bom desempenho dos modelos Gol e Polo, quarto e quinto colocados no ranking dos modelos mais vendidos.

 

A Fiat, terceira colocada, foi a quarta empresa que conseguiu aumentar vendas durante a greve dos caminhoneiros, com 26,7 mil emplacamentos, contra 25 mil 929 no mesmo período do ano passado, alta de 3%.

 

O outro lado da moeda - Das dez marcas mais vendidas no Brasil, seis registraram queda nas vendas com relação a maio do ano passado devido a, principalmente, a paralisação dos caminhoneiros que afetou as vendas de toda a indústria. A Honda, oitava do ranking, foi a que mais perdeu vendas em maio, 10 mil 595 emplacamentos ante 12 mil 541 no mesmo mês do ano passado, retração de 15,5%.

 

Sexta no ranking, a Toyota foi a segunda empresa que mais perdeu no mês, queda de 9,4%, com 15 mil 359 vendas contra 16 mil 956. Com retração de 7,3% nas vendas, a Renault, sétima no ranking, foi a terceira que mais perdeu no mês, emplacando 14 mil 244 unidades, ante 15 mil 362 em igual período do ano passado.

 

Hyundai, quinta colocada, GM, líder de mercado, e Ford, quarta no ranking, também perderam vendas no mês: queda de 4,2%, 4% e 2,2%, respectivamente.