Mercedes-Benz investe no transporte autônomo

Imagem ilustrativa da notícia: Mercedes-Benz investe no transporte autônomo

Hannover - Uma das principais atrações do estande da Daimler na IAA 2018, o Salão Internacional de Veículos Comerciais, que abrirá suas portas ao público na quinta-feira, 20, certamente será a van conceito Vision Urbanetic, que fez sua primeira aparição pública em evento especialmente destinado à imprensa internacional.

 

Testado em parceria com a Basf, o veículo foi definido pela Daimler como "uma plataforma para a modernidade" e possibilitará eficiência "máxima no transporte quando efetivamente ganhar o mercado, em alguns anos". Não é exagero. A van realmente impressiona muito, desde o seu design futurista até o tipo de utilização que permite, como intercambialidade de carroçarias de carga e passageiros com extrema facilidade e direção totalmente autônoma de quinto grau.

 

A empresa aproveitou o evento para anunciar que também fechou acordo de parceria tecnológica no Brasil com a Grunner Tecnologia para o desenvolvimento de sistema de direção autônoma para caminhões que serão utilizadas em colheitas de cana-de-açúcar -- os dois primeiros protótipos, modelo Axos 3131, já estão operando em São Paulo e dezesseis unidades estão sendo negociadas para entrega futura.

 

Roberto Leoncini, vice-presidente de vendas e marketing da Mercedes-Benz do Brasil, contou que existem várias vantagens na aplicação desse tipo de caminhão com relação aos tratores que normalmente são utilizados nesse tipo de colheita. Segundo ele a produtividade dobra, alcançando 117 toneladas por hectare contra 69 toneladas dos tratores: os caminhões possibilitam 50% de redução de consumo de combustível, gastam 40% menos de lubrificantes e têm custo de manutenção 30% menor.

 

Outra novidade Daimler, importante, anunciada na IAA e que "afetará de maneira positiva seus negócios na América Latina", é a disposição de iniciar a produção da nova geração da Sprinter na Argentina em meados do ano que vem. Segundo a empresa as primeiras unidades serão fabricadas no começo do segundo semestre de 2019 e o início da comercialização se dará até dezembro.

 

Foto: Divulgação.