Chevrolet serão conectados a partir de 2019

Imagem ilustrativa da notícia: Chevrolet serão conectados a partir de 2019

São Paulo – Da fábrica instalada em Gravataí, RS, espera-se, para o ano que vem, a produção de um novo modelo General Motors, cujas linhas e características seguem mantidos longe dos olhares do mercado enquanto a companhia prepara a linha onde será montado.

 

No entanto, no Salão do Automóvel que é realizado em São Paulo até o domingo, 18, a empresa fez revelação pioneira: o modelo será o primeiro equipado com sistema de internet a bordo em sua oferta no País, tendência que será seguida pelos demais lançamentos a partir de 2019.

 

O que se sabe de novidade a respeito do novo modelo para por aí. Para que se conecte à rede será necessário fechar contrato com operadora de telecomunicações que atua aqui -- passo que a empresa tenta dar neste momento, segundo Carlos Zarlenga, presidente da companhia na região do Mercosul: “Estamos negociando com uma operadora para que os veículos tenham o acesso à internet. A expectativa é a de que seja fechado isso o mais breve possível”.

 

O novo veículo se conectará à internet por meio da rede de dados 4G, a mesma utilizada por smartphones, e também por wi-fi. Não se sabe, ainda, se o motorista terá livre acesso a qualquer conteúdo na tela do veículo ou se a GM criará ambiente fechado, ou seja, apenas com aplicações de empresas parceiras instalados – algo que acontece em alguns modelos de smart TVs.

 

Por meio de comunicado divulgado na terça-feira, 6, a companhia informou que “os usuários poderão criar a própria programação de rádio” e que o veículo também poderá “enviar dados para diagnóstico remoto diretamente ao proprietário do veículo, a centrais de atendimento, ou até mesmo à rede de concessionárias”. Em momento posterior, segue o comunicado, haverá “interação com sistemas inteligentes de trânsito”.

 

Caso a GM escolha criar um ambiente de conteúdo controlado, pavimentará caminho para a construção de cenário projetado por levantamento recente da consultoria KPMG, que apontou os serviços como fonte importante de receita para as montadoras no médio-prazo. No mercado global, nos próximos cinco anos, é estimada receita com serviços de US$ 137 bilhões, o que representaria crescimento de 204% sobre as receitas que a indústria obtém hoje em dia.

 

Em 2012, com o lançamento do compacto Chevrolet Onix, os veículos GM passaram a ser dotados de sistema multimídia com conexão para celular via Bluetooth e sistema de telemática OnStar. A companhia afirma ter a maior frota de carros totalmente conectados com a tecnologia 4G no mundo, um volume que poderia chegar a mais de 9 milhões.

 

Foto: Divulgação.