Mercado europeu recua 55% durante pandemia

Imagem ilustrativa da notícia: Mercado europeu recua 55% durante pandemia
Foto Jornalista  Redação AutoData

Por Redação AutoData

CompartilheBalanço
17/04/2020

São Paulo -- O mercado europeu de automóveis registrou queda de 55,1% nas vendas em março ante igual mês de 2019. Foram vendidas 567,3 mil unidades, contra mais de 1,2 milhão no ano passado, segundo dados divulgados pela Acea, que representa as fabricantes da região. A entidade informou que a retração foi causada pela pandemia da covid-19, que resultou no fechamento da maioria das concessionárias na região desde meados de março.

 

Os vinte e sete mercados que compõem a União Europeia caíram em março. A Itália, um dos países mais afetados pelo coronavírus, foi o que registrou a maior retração: 85,4%, vendendo menos de 30 mil carros no período. França e Espanha foram os outros dos países que registraram os maiores recuos, 72,2% e 69,3%, respectivamente. O mercado da Alemanha sofreu um pouco menos e caiu 37,7%.

 

A crise também causou impacto sobre o resultado do trimestre, que foi 25,6% menor do que o dos primeiros três meses de 2019 -- mas recorde-se que as vendas na União Europeia caíram desde janeiro. No período foram vendidos 2,5 milhões de automóveis, contra mais de 3,3 milhões no primeiro trimestre do ano passado.

 

No trimestre Itália, França e Espanha registraram as maiores quedas: 35,5%, 34,1% e 31,%, respectivamente. Na Alemanha o recuo até março foi de 20,3%.

 

Foto: Divulgação.