BMW entra no segmento de patinetes elétricos

São Paulo – A BMW começa a vender em setembro, por enquanto apenas no mercado europeu, um patinete elétrico desenvolvido em parceria com a empresa Micro. O alvo são, segundo a empresa, jovens e idosos de grandes centros urbanos, que, recentemente, foram invadidos por este tipo de veículo. Não há previsão de que o patinete da BMW seja vendido no Brasil, ainda que tenham empresas explorando este modal de transporte nos grandes centros.

 

A E-Scooter, nome dado ao patinete, pesa 9 quilos, tem autonomia de 12 quilômetros e velocidade máxima de 20 km/h. Possui dois sistemas de frenagem independentes e luzes dianteira e traseira embutidas. O motor de 150W e a bateria de íons de lítio fica alojada na parte inferior da base do patinete junto à roda traseira. A bateria demora duas horas para carregar completamente.