Paccar Financial oferece crédito para clientes DAF

Imagem ilustrativa da notícia: Paccar Financial oferece crédito para clientes DAF
CompartilheFinanciamentos
18/06/2019

São Paulo – Começou a operar no mercado brasileiro a Paccar Financial, braço financeiro do Grupo Paccar que, aqui, trabalhará com o financiamento de veículos DAF produzidos em Ponta Grossa, PR. Por enquanto atuando apenas por meio de CDC, crédito direto ao consumidor – a expectativa é a de aprovação pelo BNDES para oferecer o Finame no segundo semestre –, o banco tem como objetivo abocanhar, ainda este ano, 20% das vendas financiadas de caminhões DAF.

 

O diretor geral João Petry acredita que, já em 2020, esse porcentual possa superar os 30%, superior à média global da Paccar Financial, que no ano passado chegou a 24% de todas as vendas do grupo.

 

“Oferecer um braço financeiro é muito importante para a operação de uma montadora, especialmente no Brasil”, disse o executivo, apontando para a participação superior a 50% das instituições financeiras nas vendas de caminhões durante a crise do segmento. “Quando o mercado cai os bancos de varejo saem de cena. A opção dos clientes são os bancos de montadora.”

 

O investimento inicial para a entrada da Paccar Financial no Brasil foi de R$ 100 milhões, dos quais 30% na estruturação da operação – infraestrutura, sistemas, tecnologia e contratação e treinamento de pessoas: “Os outros 70% estão disponíveis para o capital operacional”.

 

De início os recursos do banco local estão divididos por investimentos do Grupo Paccar e geração de capital próprio. Mais adiante os executivos pretendem buscar divisas no mercado de capitais. Além de financiar caminhões a Paccar Financial oferecerá linhas de floor plan para a rede de concessionárias DAF Caminhões – e, em breve, linhas para capital de giro. Também estão nos planos futuros contratos de leasing para transportadores.

 

Embora sedentos por fechamentos de contratos de financiamento os executivos da Paccar Financial precisarão seguir as rigorosas exigências da matriz. A média global de inadimplência superior a trinta dias é de 0,5% – por aqui a taxa de atrasos é ao menos quatro vezes maior – o que mostra que o banco é conservador na concessão de crédito: “Seremos proativos para buscar clientes e ativos na cobrança. Se atrasar o boleto ligaremos para o cliente”.

 

Para o presidente da DAF Caminhões, Carlos Ayala, a chegada da Paccar Financial ajudará a alavancar os seu negócios: “Um braço financeiro é ferramenta adicional de vendas. Muitas vezes o cliente não quer usar seu limite de crédito em um banco de varejo para comprar caminhão e lança mão de um banco de montadora”.

 

Foto: Divulgação.