Carros de entrada: Honda acredita em recuperação. Em breve.

Imagem ilustrativa da notícia: Carros de entrada: Honda acredita em recuperação. Em breve.

A Honda apresentou uma série de novidades no primeiro dia do Salão Duas Rodas, no Expo São Paulo, na segunda-feira, 13. Durante o evento o presidente Issao Mizoguchi, responsável pelas operações de carros e de motos, também falou sobre a expectativa para o setor de quatro rodas no ano que vem: “A recuperação do mercado é boa, mas não fechamos projeções para o ano que vem. Acredito, porém, que o segmento de entrada mostrará maior recuperação no curto prazo, um segmento do qual a Honda não participa. O de SUVs também deve crescer, mas esse não sentiu a crise”.

 

Motos - Com relação aos lançamentos para o mercado de duas rodas a empresa concentra as força nas motos maiores, de segmentos mais caros, o que mostra a aposta em consumidores não tão dependentes de crédito e que sofrem menos com a crise.

 

A nova geração da esportiva CBR 1000 RR Fireblade foi uma das estrelas e está confirmada para lançamento aqui em 2018: terá a versão SP, ainda mais esportiva. Outras novidades, como o scooter X-ADV, de 750 cm3, e as esportivas CB 650F e CBR 650F, também foram apresentadas. A Honda mostrou, igualmente, motos menores, como a linha 2018 da Bis e uma nova versão mais sofisticada da SH 150i .

 

A Honda produziu mais de 800 mil motos em 2017 na América do Sul e 130 mil carros, sendo a de Manaus, AM, sua maior fábrica no mundo, onde já foram investidos mais de R$ 2 bilhões, com 23 milhões de motos produzidas.

 

Foto: divulgação