e-Delivery chama a atenção fora do País

Imagem ilustrativa da notícia: e-Delivery chama a atenção fora do País
CompartilheFenatran
15/10/2019

São Paulo – O Volkswagen e-Delivery, caminhão elétrico que começará a ser produzido pela Volkswagen Caminhões e Ônibus em Resende, RJ, a partir do ano que vem, tem chamado a atenção de frotistas não só do Brasil. Segundo seu presidente e CEO, Roberto Cortes, consultas da Argentina, México e de países africanos já chegaram à equipe de vendas.

 

Nada foi fechado, porém, além da intenção de compra de 1,6 mil caminhões pela Ambev, anunciada no ano passado. De todo modo a receptividade deixou Cortes animado: “Acredito que o e-Delivery tem potencial para entrar nos mercados da Europa e dos Estados Unidos. Muitas empresas têm o interesse ambiental, além da economia que a aplicação elétrica pode gerar”.

 

Segundo ele o custo operacional total do e-Delivery pode chegar à metade de seu similar com motor movido a combustão. Ainda não foi fechado, porém, o preço final do modelo – e Cortes não arriscou dar ordem de grandeza na comparação com o diesel.

 

Em paralelo a VWCO trabalha para desenvolver seu ônibus elétrico aliado a um motor a combustão, o e-Flex. Da mesma forma que teve na Ambev um parceiro para verificar, na prática, como a aplicação se comporta, a companhia busca um operador urbano para testar o ônibus.

 

“Acredito que até o fim do ano anunciaremos o parceiro do e-Flex.”

 

Foto: Divulgação.