Produção argentina cai 33% até outubro

Imagem ilustrativa da notícia: Produção argentina cai 33% até outubro

São Paulo – A produção de veículos na Argentina registrou queda de 33% até outubro na comparação com os dez primeiros meses do ano passado, somando 273 mil 164 unidades. Segundo balanço divulgado pela Adefa na terça-feira, 5, em outubro saíram das linhas 31 mil 843 unidades, volume que, apesar de representar recuo de 17,7% na comparação com outubro de 2018, significa que os volume voltaram a crescer após queda registrada em setembro.

 

Do total produzido no ano 93 mil 882 unidades foram de automóveis, queda de 51% ante o volume registrado nos dez primeiros meses de 2018. A produção de comerciais leves chegou a 179 mil 282 unidades, queda de 17,5% ante os resultados registrado no ano passado.

 

As exportações no janeiro-outubro somaram 187 mil 362 unidades, 15% a menos do que os embarques realizados em igual período em 2018. Apenas em outubro os embarques somaram 19 mil 339 unidades, 12% a menos do que em outubro do ano passado. 66% do que foi exportado pela Argentina, até outubro, tiveram como destino o mercado brasileiro. 123 mil 819 unidades de veículos desembarcaram aqui nos dez meses.

 

América Central, Peru, Chile e Colômbia fecham o grupo dos cinco principais destinos dos veículos produzidos na Argentina em termos de volume embarcado.

 

As vendas aos concessionários, segundo o balanço divulgado, somaram 281 mil 880 unidades até outubro, volume que representa retração de 47% na comparação com o volume vendido no janeiro-outubro de 2018. Apenas em outubro as vendas somaram 27 mil 204 unidades, queda de 27%.

 

Foto: Divulgação.