Europa já deixou de produzir mais de 1,4 milhão de veículos

Imagem ilustrativa da notícia: Europa já deixou de produzir mais de 1,4 milhão de veículos
Foto Jornalista  Redação AutoData

Por Redação AutoData

CompartilheCovid-19
09/04/2020

São Paulo -- Desde o início das paralisações nas fábricas até a quinta-feira, 9, a União Europeia deixou de produzir pouco mais de 1,4 milhão de veículos, segundo os cálculos da Acea, entidade que representa dezesseis fabricantes. A perda de produção cresceu 16,6% na comparação com a semana passada, quando a indústria tinha deixado de produzir 1,2 milhão de unidades.

 

Os dados incluem a produção de automóveis, caminhões, vans e ônibus. De acordo com a Acea, esse número poderá continuar aumentando caso as paralisações sejam prolongadas, ou se mais fábricas suspenderem suas atividades. Até agora a entidade não divulgou o impacto nas vendas durante o mês de março.

 

Até 9 de abril o dia-a-dia de trabalho de 1 milhão 138 mil 536 funcionários foi afetado, sendo que na semana passada esse número era de 1 milhão 110 mil 105 funcionários. A entidade ressaltou que esses são apenas os números de empregos diretamente ligados as associadas e que pode ser muito maior se considerada toda a cadeia produtiva.

 

Foto: Divulgação.