Caoa Chery sugere redução de jornada e salário a administrativo

Imagem ilustrativa da notícia: Caoa Chery sugere redução de jornada e salário a administrativo
Foto Jornalista Redação AutoData

Por Redação AutoData

CompartilheCovid-19
16/04/2020

São Paulo – A Caoa Chery propôs aos trabalhadores da sua área administrativa a redução de salários e de jornada com base na medida provisória 936, editada pelo governo federal. Ao Sindicato dos Metalúrgicos de São José dos Campos e Região foi sugerida a redução de 25%, dos salários até R$ 4 mil, a 27%, para valores superiores, por noventa dias.

 

A primeira faixa ainda terá complemento por meio do pagamento do seguro-desemprego, subsidiado pelo governo. A empresa ofereceu, ainda, estabilidade a todos os envolvidos na negociação até 30 de agosto.

 

A proposta será votada em assembleia virtual na quinta-feira, 16, e sexta-feira, 17.

 

Os trabalhadores da produção não serão afetados: eles estão em lay off desde 1º de abril. Segundo o sindicato são duzentos os funcionários do administrativo e 340 os da produção na fábrica de Jacareí, SP.

 

Foto: Divulgação.