Segundo semestre terá vendas diárias maiores

Imagem ilustrativa da notícia: Segundo semestre terá vendas diárias maiores

O desempenho das vendas de automóveis de janeiro a agosto, com média diária de 9 mil unidades, aumentou as expectativas no setor automotivo acerca de maiores volumes até o fim do ano. Junho e agosto, segundo a Anfavea, registraram médias de vendas acima de 9 mil unidades/dia, e o que a entidade anseia para dezembro, mês com histórico de mais negócios com relação ao demais períodos do ano, é que a média fique próxima às 10 mil unidades/dia.

 

Antônio Megale, presidente da Anfavea, disse que a projeção da média de vendas foi feita com base em critérios técnicos que levaram em consideração a maior presença de feriados do segundo semestre e a instabilidade política: “9 mil é um bom número, e chegamos a ele levando em consideração feriados e certa instabilidade política. Estamos mirando nos 9 mil mas se acertamos para cima ficarei muito feliz. Dezembro é o melhor mês do ano. Podemos até superar isso e chegar próximo às 10 mil”.

 

A projeção de vendas foi revisada pela entidade na quarta-feira, 6. O volume esperado para o ano saltou de 2 milhões 133 unidades para 2,2 milhões, volume que, se alcançado, será 7,3% maior do que o registrado em 2016. O desempenho de junho ficou acima da média, chegando a 9 mil 284 unidades/dia. Em agosto a média evoluiu para  9 mil 415 unidades vendidas diariamente, segundo aferição da Anfavea. Ambas as médias superaram a melhor do ano passado, alcançada em dezembro, 9,2 mil unidades/dia.

 

A entidade justifica a sua expectativa levando em consideração o aumento da média de negócios em todos os estados. De janeiro a agosto a média diária cresceu no País: Até março as médias mais altas foram registradas em três estados: Alagoas, Minas Gerais e Roraima. Em agosto 22 dos 27 estados mostraram elevação da média. Ainda estão abaixo da média nacional as vendas na Bahia, Mato Grosso, Paraná, Rio de Janeiro e Rondônia.

 

O crescimento nos números de vendas em agosto, melhor mês até aqui, se deu em função dos negócios envolvendo veículos leves: foram 210 mil 142 unidades vendidas, 17,9% a mais do que em agosto de 2016. As vendas de automóveis chegaram a 180 mil 903 unidades, 21,5% a mais do que no mesmo mês do ano passado. Foram vendidos mais automóveis equipados com motores de cilindrada maior do que 1.0, 116 mil 946, crescimento de 4,9% com relação a agosto de 2016. Na gama do motor 1.0 foram vendidas 60 mil 968 unidades, 11,2% a mais.

 

Foto: Divulgação