Julho tem o maior volume de vendas do ano

Imagem ilustrativa da notícia: Julho tem o maior volume de vendas do ano

São Paulo - As vendas de veículos alcançaram, em julho, o maior volume do ano, 217 mil 526 unidades emplacadas nos vinte e dois dias úteis do mês, um a mais do que em abril, quando a rede de concessionários havia registrado o então melhor desempenho comercial do ano, 217,3 mil. Os números são do Renavam, divulgados pela Fenabrave na quarta-feira, 1º.

 

O resultado do mês ficou pouco abaixo das expectativas do mercado, que esperava um volume de vendas próximo às 220 mil unidades com o fim da Copa do Mundo e mais dias úteis do que os meses anteriores.

 

Com o resultado foram vendidos 7,5% mais veículos em julho do que em junho, quando o setor emplacou 202 mil unidades. Na comparação com o desempenho comercial de julho do ano passado, quando foram vendidos 184,8 mil veículos, o crescimento foi de 17,3%.

 

A média de vendas diária chegou ao fim de julho um pouco abaixo das 10 mil unidades, 9 mil 887 emplacamentos por dia, ritmo que também tinha sido visto em junho. Segundo fonte ouvida por AutoData na terça-feira, 31, último dia do mês, o esforço de vendas da rede de concessionários conseguiu tirar 15 mil veículos de seus salões.

 

Ainda segundo a fonte a venda de 45% dos 217,5 mil veículos foi feita de forma direta.

 

Segmentos. De acordo com dados da Fenabrave foram emplacadas 208 mil 551 unidades de automóveis, volume 6,9% superior ao de junho e 16,6% a mais do que os emplacamentos de julho de 2017.

 

O mercado de caminhões manteve o forte ritmo de crescimento. Em julho o segmento somou 6 mil 666 unidades vendidas, 16,3% acima de junho e 47,4% a mais do que um ano antes.

 

As vendas de ônibus alcançaram 1 mil 190 unidades, o que representa 92,4% a mais ante junho e 56% acima de junho de 2017.

 

Foto: Divulgação.