DAF projeta dobrar, mais uma vez, suas vendas em 2019

Imagem ilustrativa da notícia: DAF projeta dobrar, mais uma vez, suas vendas em 2019

São Paulo – Para aproveitar a crescente demanda por caminhões pesados no mercado brasileiro – até maio, segundo a Anfavea, foi 70% maior do que nos cinco primeiros meses de 2018 – a DAF Caminhões traçou como meta, no mínimo, dobrar o volume comercializado no ano passado, que teve emplacados 2,3 mil caminhões seus.

 

“Nossa capacidade em Ponta Grossa é de 10 mil unidades por ano em um turno”, disse Carlos Ayala, presidente da DAF Caminhões durante a apresentação da Paccar Financial na terça-feira, 18, em São Paulo. “Temos, portanto, condições de atender à crescente demanda do mercado.”

 

Nos últimos anos foram sanados alguns gargalos produtivos na fábrica paranaense, que prejudicavam o desempenho. Atualmente 62% do conteúdo dos caminhões DAF, em média, são localizados – dentre eles a montagem do motor em Ponta Grossa e a produção de cabines, feita pela Flamma em Pouso Alegre, MG. “Buscamos nacionalizar cada vez mais”.

 

Ayala contou que nos últimos meses notou aumento da desconfiança dos clientes DAF diante das circunstâncias do País, embora sem reflexo nas encomendas e na produção. Embora preocupe os executivos da companhia o otimismo com relação ao mercado este ano continua.

 

“Temos bons indicativos, como o escoamento da safra no Mato Grosso, a nova safra de milho e a própria aprovação da reforma da Previdência, que trará mais confiança ao mercado” disse o diretor comercial Luis Antonio Gambim. “A proporção histórica é de cerca de 45% do volume no primeiro semestre e 55% no segundo. Teremos também a Fenatran, que sempre movimenta o setor.”

 

Em outra frente a DAF trabalha na ampliação de sua rede e na cobertura no mercado brasileiro. Recentemente abriu concessionária em Luís Eduardo Magalhães, BA, e nas próximas semanas inaugurará outra em Feira de Santana. Até o fim do ano está nos planos a nomeação de um novo grupo para atuar em Pernambuco, cobrindo, enfim, todo o Nordeste.

 

A rede DAF Caminhões atualmente é composta por 33 pontos, sendo 23 concessionárias e dez postos de serviços. A meta é chegar a cinquenta concessionárias nos próximos cinco anos.

 

Foto: Divulgação.