Vendas internas puxam alta de 7% na produção de motocicletas

Imagem ilustrativa da notícia: Vendas internas puxam alta de 7% na produção de motocicletas

São Paulo – A produção de motocicletas manteve seu ritmo de crescimento no acumulado do ano até agosto, com alta de 6,7% na comparação com o mesmo período do não passado e 743 mil 556 unidades produzidas no Polo Industrial de Manaus, de acordo com a Abraciclo, entidade que representa as fabricantes nacionais. Em agosto 114 mil 738 unidades saíram das linhas de produção, expansão de 8,9% com relação a agosto de 2018 e, na comparação com julho, crescimento de 25,1%.

 

A alta da produção está sendo puxada pela maior demanda do mercado interno. Para Marcos Fermanian, presidente da Abraciclo, o crescimento do consumo interno é reflexo da maior oferta de crédito para o consumidor, que gera mais financiamentos de motocicletas: “A nossa expectativa é a de que o mercado continue aquecido até o fim do ano, pela chegada da primavera e do verão e pelos lançamentos que veremos no Salão Duas Rodas, em novembro”.

 

As vendas de janeiro a agosto somaram 708 mil 707 motocicletas, crescimento de 14% ante igual período do ano passado, quando foram comercializadas 621 mil 861 unidades. Em agosto os licenciamentos foram de 88 mil 625 motocicletas, leve retração de 0,3% na comparação com o mesmo mês do ano passado e de 1,4% com relação a julho.  

 

Assim como nas vendas externas de automóveis, as exportações de motocicletas caíram 50,3% no acumulado do ano por causa da crise na Argentina, com 26 mil 746 unidades exportadas em oito meses. Em agosto embarcaram 3 mil 566 motocicletas, retração de 52.7% com relação ao mesmo período de 2018 e, ante julho, alta de 27,9%.

 

Foto: Divulgação.