Ford produzirá máscaras para profissionais da saúde

Imagem ilustrativa da notícia: Ford produzirá máscaras para profissionais da saúde
Foto Jornalista Marcos Rozen

Por Marcos Rozen

CompartilheCovid-19
02/04/2020

São Paulo – A Ford produzirá em Camaçari, BA, e em Pacheco, na Argentina, 50 mil máscaras de proteção facial para equipar profissionais da saúde que tratam pacientes de covid-19. Compostas por lâmina de acetato e peças de suporte, as máscaras são um dos itens de proteção individual mais requisitados no momento por quem está na linha de frente da pandemia.

 

A distribuição será coordenada por meio das Secretárias de Saúde e da Cruz Vermelha, explica o vice-presidente de estratégia, comunicação e relações governamentais da Ford América do Sul, Rogelio Golfarb. Segundo ele, cerca de 30 mil unidades serão fabricadas na Bahia e 20 mil na Argentina:

 

“Nossa experiência em projetos, cadeia de suprimentos, manufatura e logística foi essencial para criar uma linha de produção para estar máscaras em tempo recorde. As primeiras máscaras deverão ficar prontas no dia 13 de abril”.

 

Os produtos serão manufaturados por voluntários, respeitando as regras de distanciamento social e com protocolos de proteção e processos de higienização e desinfecção.

 

Além da produção das máscaras a Ford compõe a força-tarefa liderada pelo Senai e outras fabricantes para consertar respiradores mecânicos. O equipamento é fundamental no tratamento de pacientes com covid-19. A empresa oferece também à Cruz Vermelha do Brasil, Argentina, Colômbia e Peru modelos Transit, Fusion, EcoSport, Ranger, Ka e uma ambulância para auxiliar no transporte de equipes e suprimentos.

 

“É uma situação sem precedentes. Já passamos pro várias crise econômicas, mas temos agora uma crise de saúde. A Ford vai procurar ajudar e fazer o que estiver ao alcance para superar essa pandemia o mais breve possível”.

 

Foto: Divulgação.