Goodyear tem nova opção para vans e utilitários

Imagem ilustrativa da notícia: Goodyear tem nova opção para vans e utilitários
CompartilheFornecedor
23/10/2018

Americana, SP – De olho no segmento de vans e utilitários – que apenas no mercado de reposição engloba mais de 1 milhão de veículos – a Goodyear lançou o pneu Cargo Marathon 2, sucessor do G 32 Cargo. Dedicado a veículos comerciais, desde a Volkswagen Kombi até o Mercedes-Benz Sprinter, o novo pneu também mirará o mercado OEM, embora a fornecedora ainda esteja em processo de negociação e e de homologação com montadoras.

 

Segundo a Goodyear o Cargo Marathon 2 reduziu em 5% os ruídos externos, e aumentou no mesmo patamar a dirigibilidade e o conforto, enquanto a resistência à rolagem aumentou 10% na comparação com a antiga geração. Coordenador de marketing, Rodrigo Falcão disse que com o lançamento a Goodyear quer se consolidar como referência do segmento ULT, destinado a vans e utilitários, e manter o alto padrão na entrega de quilometragem.

 

O pneu será vendido em oito medidas, sendo que três já estão nas lojas Goodyear, enquanto outras três chegarão em dezembro e as últimas duas em janeiro. A companhia não divulgou o mix de vendas projetado, mas informou que segue aumentando seus pontos de vendas de acordo com a demanda de cada região:

 

“Já temos mais de 1 mil pontos de vendas e trabalhamos com planejamento anual de expansão de rede. Independente do comportamento do mercado este processo não deixa de ser feito pela companhia, que usa como estratégia a pulverização das lojas no Brasil, analisando quais regiões nós não estamos presentes e precisamos estar”.

 

O Cargo Marathon 2 é produzido na fábrica de Americana, SP, que já produz seu antecessor e está operando com capacidade máxima, com aproximadamente 2,5 mil funcionários: “Estamos operando com o máximo de nossa capacidade com foco principal em atender ao mercado nacional e, depois, as exportações”.

 

Falcão lembrou que, nos anos de crise, a Goodyear precisou nacionalizar a produção de um modelo vendido nos Estados Unidos para aumentar sua exportação e manter os postos de trabalho e o ritmo da fábrica.

 

Foto: Divulgação.