GM cresce com ajuda dos Estados Unidos

Imagem ilustrativa da notícia: GM cresce com ajuda dos Estados Unidos

São Paulo – O mercado dos Estados Unidos sustentou a operação global da General Motors no segundo trimestre, sendo o responsável direto pelo faturamento de US$ 2,4 bilhões no período, 1,6% a mais do que registrado no abril-junho de 2018.

 

Naquele país, onde mantém sua sede, a GM vendeu 747 mil unidades, 17% a mais do que no segundo trimestre do ano  passado.

 

As demandas desse mercado levou a companhia a anunciar, em junho, investimentos em suas fábricas locais que, somados, chegam a US$ 4,2 bilhões. O aporte será aplicado em novos produtos e equipamentos para produção de motores e componentes.

 

Na China o volume de vendas foi maior do que o registrado nos Estados Unidos, 754 mil unidades, mas o desempenho comercial representa queda de 12% ante o segundo trimestre de 2018.

 

Por meio de comunicado, a montadora informou que trabalha com projeção de queda nas vendas na China ao longo do segundo semestre, período em que serão lançados vinte novos modelos.

 

Na América do Sul o desempenho comercial da montadora apresentou leve queda, 0,8%, chegando a 162 mil 514 unidades nos últimos três meses.

 

Foto: Divulgação.