Honda encerra produção de automóveis na Argentina

Imagem ilustrativa da notícia: Honda encerra produção de automóveis na Argentina

São Paulo – A partir do ano que vem o Honda HR-V deixará de ser produzido na fábrica de Campana, Argentina. A companhia informou, por meio de comunicado, que a unidade inaugurada há treze anos se dedicará apenas à produção de motocicletas – lá, como aqui, a marca lidera as vendas do segmento.

 

Iniciada em 2011 com a montagem do City em regime CKD, a produção de automóveis Honda nunca deslanchou na Argentina. Em 2015 o HR-V foi agregado ao processo, que ganhou outras etapas – a expectativa da empresa era a de mercado de 1 milhão de unidades lá. Deverá fechar 2019 abaixo da metade estimada, em meio a forte crise econômica.

 

A decisão veio da matriz, no Japão. Segundo a publicação Autoblog quinhentos postos de trabalho serão fechados, quase metade do efetivo atual – e já foi aberto um PDV, Programa de Demissão Voluntária, na unidade.

 

A Honda reforçou, no comunicado, que não está saindo da Argentina: seguirá comercializando automóveis e mantém sua rede pós-vendas no país. O HR-V, a partir de 2020, deverá chegar àquele mercado importado do Brasil.

 

Em Campana seguem a produção das motocicletas Wave, CG150 e XR 150L.

 

Foto: Divulgação.