Produção zero na Argentina em abril

Imagem ilustrativa da notícia: Produção zero na Argentina em abril
Foto Jornalista Redação AutoData

Por Redação AutoData

CompartilheResultado
06/05/2020

São Paulo – Como era de se esperar nenhum veículo foi produzido na Argentina em abril. Parada desde 20 de março a indústria local registrou apenas exportações no mês passado – 2,4 mil veículos foram enviados a mercados da região, segundo divulgou a Adefa na quarta-feira, 6, volume 88,4% inferior ao exportado em abril de 2019 e 82,9% abaixo de março.

 

Estes veículos foram produzidos antes do Isolamento Social Preventivo e Obrigatório imposto pelo governo para prevenir a pandemia de covid-19 no país e só foram exportados mais no fim do mês, quando a quarentena foi relaxada e permitiu atividades relacionadas ao comércio exterior.

 

No acumulado do ano as exportações registram queda de 37%, com 41,3 mil veículos vendidos. A produção acumula queda de 38,3% com relação ao primeiro trimestre de 2019, com 66 mil unidades montadas.

 

Da mesma forma houve volume mínimo comercializado à rede concessionária local: 7,5 mil unidades. O varejo, segundo a Acara, negociou 4,4 mil veículos no mês passado.

 

O presidente da Adefa, Gabriel López, disse que a entidade está alinhada com o governo nas medidas de combate à covid-19. Elogiou a autorização de produzir para exportar, “dado ao perfil exportador da produção do setor automotivo”.

 

Foto: Divulgação.