Austrália: veículos com mais de 15 anos fora de circulação

Imagem ilustrativa da notícia: Austrália: veículos com mais de 15 anos fora de circulação

Moção apresentada por autoridades australianas ligadas ao tráfego de veículos e à segurança veicular solicitou a retirada das vias públicas de todos os veículos com mais de quinze anos de produção. A informações são do jornal matutino The Herald of Sydney e foram divulgadas na quarta-feira, 21, pelo Flash de Motor, da Venezuela.

 

Relatório elaborado pela agência de segurança Ancap afirma que os veículos produzidos antes de 2002 "devem ser eliminados por falta de dispositivos de segurança de circulação normal, como airbags, sistemas de controle de tração, controles de estabilidade e de outros dispositivos de segurança ativa e passiva, cuja falta os tornam propensos a acidentes".

 

O relatório revelou que os dados sobre acidentes rodoviários registrados na Austrália e na Australásia durante os anos de 2014 a 2016 "revelaram que os veículos com 15 ou mais anos de idade, em média, se envolviam quatro vezes mais em acidentes do que os veículos mais novos".

 

De acordo com o relatório "a idade média da frota de veículos na Austrália e na Australásia é de 9,8 anos, nos três períodos avaliados" e acrescentou que "a idade média dos utilitários esportivos aumentou no mesmo período em 12,5% para 13,1 anos".

 

Mais: "31% da frota de veículos atual são representados por veículos com cinco anos de idade ou menos, ou apenas 12% do total de sinistros". Os veículos com mais de 15 anos representam a quinta parte da frota automotiva australiana "mas causam 36% dos acidentes que registram vítimas fatais".

 

Foto: Divulgação.