Setor de caminhões registra alta de 31%

Imagem ilustrativa da notícia: Setor de caminhões registra alta de 31%
CompartilheBalanço da Anfavea
04/10/2018

São Paulo – A produção de caminhões manteve o ritmo de crescimento em setembro, ainda que as demandas para o mercado argentino tenham regredido nos últimos dois meses. Saíram das linhas nos primeiros nove meses do ano 77 mil 254 unidades, volume que representa crescimento de 30,5% ante igual período de 2017.

 

De acordo com Marco Saltini, vice-presidente da Anfavea, as vendas de pesados, em alta, têm puxado o ritmo da produção nas fábricas: “É a principal demanda hoje dentro das montadoras. O crescimento até setembro, nas vendas, foi de 89% sobre o desempenho de 2017, o que nos deu sustentação”.

 

Do total de caminhões produzidos 34 mil 693 unidades corresponderam a pesados, 52,9% a mais do que o volume produzido em idêntico período do ano passado. Os semipesados foram 21 mil 199 unidades, 19,8% a mais, e os leves 14 mil 990 unidades, 27,3% a mais.

 

A indústria esperava demanda adicional por caminhões tendo como base o fato de algumas empresas terem se mostrado inclinadas a constituírem frota prória. Saltini, no entanto, disse que os telefones continuam tocando nas montadoras, mas pouco, ou nada, se converteu em vendas.

 

Foto: Divulgação.