BNDES: novas regras do Finame vigoram em dezembro.

Imagem ilustrativa da notícia: BNDES: novas regras do Finame vigoram em dezembro.
CompartilheInvestimento
30/11/2018

São Paulo – O BNDES, Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social, definiu da de início das novas regras de credenciamento de máquinas, equipamentos e componentes na linha de crédito Finame. Os critérios de nacionalização passam a valer a partir de 4 de dezembro, comunicou a entidade na sexta-feira, 30.

 

A nova metodologia, segundo a entidade, é mais moderna e aderente à realidade industrial brasileira, pois “leva em conta fatores como os investimentos em inovação, diversificação do parque industrial, forma de inserção nas cadeias globais de valor e qualificação da mão de obra industrial”.

 

Um dos fatores considerados para credenciamento no Finame é o conteúdo tecnológico do produto. O critério avalia a participação de componentes de alta intensidade tecnológica no total de componentes utilizados para a manufatura do item a ser credenciado. Outro quesito é o de inovação, que mede a relação entre os gastos com pesquisa e desenvolvimento.

 

Novos produtos, cujo credenciamento seja solicitado até 2 de dezembro de 2018, ou seja, antes da entrada em vigor da nova metodologia, deverão observar as regras do regulamento atual, ainda em vigor, que estabelecem os índices mínimos de nacionalização em valor e em peso.

 

Foto: Divulgação.