Renault prepara novo ciclo de investimentos no Brasil

Imagem ilustrativa da notícia: Renault prepara novo ciclo de investimentos no Brasil
CompartilheMontadora
15/05/2019

São Paulo – A Renault negocia com sua matriz um novo ciclo de investimentos para a operação de São José dos Pinhais, PR, que, atualmente, trabalha em três turnos na produção de veículos de passeio e está próxima à sua capacidade total. O presidente Ricardo Gondo afirmou, na noite de terça-feira, 14, que o valor deverá ser definido e anunciado até o fim do ano.

 

“Estávamos esperando as definições do Rota 2030 para desenhar o investimento. A indústria automotiva exige volume elevado de aporte de capital, então estamos analisando, agora, o potencial do mercado brasileiro nos próximos anos.”

 

Gondo observou que o potencial é grande. Nem o possível cenário de recessão econômica, que se desenha no curto prazo diante dos últimos indicadores divulgados pelo mercado financeiro e pela equipe do governo, desanima o executivo: “Pensamos sempre no médio a longo prazo e o Brasil tem potencial de crescimento do mercado de veículos. Seguiremos investindo aqui”.

 

No ano passado a companhia concluiu o ciclo de investimento de R$ 3,2 bilhões iniciado em 2014, que ajudou a pavimentar o crescimento das vendas – desde 2010, ano a ano, a Renault cresce acima do mercado. No primeiro quadrimestre a companhia registrou 8,8% de participação nas vendas, fatia que a deixa na quarta posição do ranking de marcas. Foram licenciados 70,5 mil veículos, crescimento de 18% na comparação com os quatro primeiros meses de 2018.

 

A fábrica também vai bem, uma vez que a queda de 40% nos embarques para o mercado argentino foi, de acordo com o presidente, compensada pelo aumento no volume das vendas no Brasil. Especialmente do Kwid, cuja nova versão topo de linha, Outsider, começa a chegar às concessionárias nas próximas semanas.

 

SUV dos compactos aventureiros – Na versão posicionada acima da Intense, que sai por R$ 43 mil 990, a Renault fez mudanças visuais para dar um aspecto aventureiro ao seu modelo de entrada. Além da central multimídia Media Evolution o Kwid Outsider traz, em pormenores plásticos, skis frontal e traseiro, barras de teto, proteção lateral, moldura do farol de neblina e calotas na cor preta. Internamente novo revestimento dos bancos e pormenores em laranja nas portas, volante e câmbio.

 

Imagem ilustrativa da notícia: Renault prepara novo ciclo de investimentos no Brasil

 

Gondo calcula que, afora adicionar volume de vendas à linha Kwid, a Outsider deva responder por cerca de 15% a 20% do mix do compacto. De janeiro a abril foram licenciados mais de 23 mil Kwid.

 

A versão aventureira segue, também, para outros mercados: Argentina, Colômbia e México receberão o Kwid Outsider.

 

Fotos: Divulgação.