Translift exporta AGV para Volkswagen Argentina

Imagem ilustrativa da notícia: Translift exporta AGV para Volkswagen Argentina
Foto Jornalista  Bruno de Oliveira

Por Bruno de Oliveira

CompartilheVendas
04/06/2020

São Paulo – A Translift fechou a exportação de sistema de transporte de peças, o qual envolve esteiras, software e cinco unidades de AGVs, para a fábrica de transmissões da Volkswagen instalada em Córdoba, na Argentina. É o primeiro negócio que a empresa, que mantém produção em São Bernardo do Campo, SP, fecha fora do País envolvendo o transportador autônomo.

 

O sistema já foi produzido mas ainda não seguiu para a Argentina: o negócio foi fechado pelas duas empresas antes do período de isolamento social, assim como a produção dos equipamentos. Com o fechamento das fronteiras, no entanto, não houve meios para que eles seguissem ao seu destino e a solução, portanto, foi aguardar.

 

A decisão de automatizar a movimentação de paletes com peças nas linhas de produção da área de usinagem da montadora ocorreu após um processo de reestruturação, o qual propunha substituição de empilhadeiras por AGVs, de forma a aumentar a produtividade e aumentar o nível de segurança no transporte.

 

O sistema projetado deverá movimentar cerca de 250 paletes/dia e é composto por cinco equipamentos com capacidade de 500 kg de carga cada. Foram feitas modificações nos modelos da oferta da empresa, como a inserção de garfos para que AGV execute, afora o transporte de carga, a elevação de materiais em até 50 centímetros do piso.

 

“O ponto forte desse sistema é também o empilhamento, realizando transporte na horizontal e na elevação dos paletes”, disse Jair Alves, presidente da Translift. “A empresa desenvolve projetos para montadoras na Argentina, mas este é o primeiro AGV. Integram um sistema de inteligência que permite sua conectividade com outros equipamentos da linha.”

 

Afora os entraves com o desembaraço da carga, seguiu o executivo, a pandemia de covid-19, a exemplo do que aconteceu com outras empresas da cadeia automotiva, também produziu reflexos na operação da Translift. Houve redução da jornada na fábrica do ABCD Paulista e redução também dos quadros nos turnos.

 

A empresa produz AGVs desde 2013 e até hoje saiu de suas linhas mais de 50 unidades. No ano passado iniciou uma série de apresentações pelas montadoras do País envolvendo a aplicação in loco dos transportadores.

 

Em Córdoba a Volkswagen produz transmissões para exportação. No ano passado a unidade alcançou a marca de 14 milhões de transmissões manuais produzidas ali desde 1996. Havia a expectativa de que neste ano fossem produzidas na unidade 722 mil caixas de câmbio. No ano passado a produção chegou a 609 mil unidades.

 

Nota do Editor: Ao contrário do publicado originalmente, a Volkswagen não produz motores, mas apenas transmissões na fábrica de Córdoba. O texto foi corrigido.

 

Foto: Divulgação.