3 milhões de motores M-B feitos no Brasil

Imagem ilustrativa da notícia: 3 milhões de motores M-B feitos no Brasil

A Mercedes-Benz do Brasil alcançou, no fim de outubro, o marco histórico da produção, no Brasil, de seus primeiros 3 milhões de motores para caminhões e ônibus. Esse número refere-se ao volume acumulado desde 1956, quando foi fabricado o primeiro deles, sempre movido a diesel. O motor que simboliza esse marco é o pesado OM 457 LA, fabricado na planta de São Bernardo do Campo, SP, mesmo local onde foi produzida a primeira unidade.

 

Philipp Schiemer, presidente da Mercedes-Benz do Brasil e CEO América Latina, comemorou a conquista: “Nenhum outro fabricante de veículos comerciais chegou a esse volume de produção no País. É com muito orgulho, satisfação e emoção que compartilho esse momento histórico e especial com toda a nossa equipe de colaboradores e com os fornecedores”.

 

De acordo com ele também no que se refere ao desenvolvimento e produção de motores a empresa tem papel relevante na consolidação do produto nacional e das indústrias do setor: “De forma pioneira nossa marca introduziu o conceito diesel no Brasil, há 61 anos, quando inaugurou sua fábrica de caminhões e ônibus. Desde então não parou de aprimorar seus produtos e de inovar, como fez quando lançou o primeiro motor eletrônico de veículos comerciais e introduziu a tecnologia BlueTec 5”.

 

A unidade da empresa em São Bernardo é a maior planta da Daimler fora da Alemanha para veículos comerciais Mercedes-Benz. É também a única planta da Daimler a produzir, numa mesma unidade, caminhões, chassis de ônibus e agregados, como motores, câmbios e eixos.

 

Foto: Divulgação