Volkswagen adia previsão de retorno de fábricas paulistas

Imagem ilustrativa da notícia: Volkswagen adia previsão de retorno de fábricas paulistas
Foto Jornalista  André Barros

Por André Barros

CompartilheCovid-19
11/05/2020

São Paulo – A Volkswagen postergou por uma semana a previsão de retorno da produção de suas fábricas paulistas, antes estimado para a segunda-feira, 18 de maio. Em função da extensão da quarentena no Estado de São Paulo, que manteve fechada suas concessionárias, a companhia jogou uma semana para frente a data da volta de seus trabalhadores de São Bernardo do Campo, São Carlos e Taubaté: a outra segunda-feira, 25 de maio.

 

A informação foi divulgada pelo Sindicato dos Metalúrgicos de São Bernardo do Campo e confirmada pela Volkswagen à reportagem da Agência AutoData. Segundo Wagner Lima, coordenador do sindicato na fábrica da Anchieta, o procedimento adotado para compensar o adiamento foi a folga remunerada: os trabalhadores deverão nove folgas, em vez das quatro anteriormente acertadas.

 

Na unidade, assim como nas demais fábricas da Volkswagen no Brasil, houve acordo para flexibilização da jornada, com base na MP 936.

 

O retorno da fábrica de São José dos Pinhais, PR, foi mantido para 18 de maio – no Estado as concessionárias estão abertas.

 


Ao contrário do publicado originalmente o retorno está estimado para 25 de maio. O texto foi corrigido.

 

 

Foto: Divulgação.