Ford mantém fábricas paradas até o fim do mês

Imagem ilustrativa da notícia: Ford mantém fábricas paradas até o fim do mês
Foto Jornalista  André Barros

Por André Barros

CompartilheCovid-19
05/05/2020

São Paulo – Ficou para o começo de junho o retorno da produção de veículos Ford em Camaçari, BA, motores em Taubaté, SP, e modelos Troller em Horizonte, CE. Acordos com os sindicatos dos metalúrgicos locais com base na MP 936, editada pelo governo federal para flexibilizar os contratos de trabalho durante a pandemia da covid-19, estabeleceram suspensão temporária dos contratos dos trabalhadores destas unidades de maio a julho, incluindo eventual redução de jornada e salário quando as atividades retornarem.

 

A data informada, 1o de junho, é uma previsão, afirmou a companhia em nota distribuída na terça-feira, 5: “Desde que a situação permita o retorno com segurança”.

 

A Ford segue os passos de General Motors, Honda, PSA Peugeot Citroën e Toyota, outras empresas que agendaram para junho o retorno da operação das suas linhas. A Jaguar Land Rover o agendou para 15 de junho em Itatiaia, RJ. Todas estas empresas adotaram as medidas previstas pela MP 936, flexibilizando ou suspendendo contratos.

 

Fabricantes de veículos pesados já retornaram ao trabalho: DAF, Iveco, Mercedes-Benz, Scania, Volkswagen Caminhões e Ônibus e Volvo estão gradativamente voltando a operar suas linhas de produção. BMW e Renault também voltaram. Até o fim do mês pretendem retornar FCA, Hyundai, Nissan e Volkswagen.

 

Foto: Divulgação.